apoio

apoio

farmacia center

farmacia  center

AUTO ESCOLA

AUTO ESCOLA

quarta-feira, 25 de julho de 2018

Carros de som só circularão se o candidato estiver dentro do veículo nestas eleições

A campanha eleitoral de 2018 deve ser um pouco diferente das anteriores. Aqueles carros de som que circulavam o dia inteiro pedindo votos pela cidade, não existirão mais. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE), determinou no dia 13 de maio, que os carros sonoros serão limitados apenas a carreatas e comícios.
A resolução ainda diz que deve-se respeitar o limite de 80 decibéis, medidos a sete metros de distância do veículo. Os comícios para encerramento das campanhas eleitorais poderão seguir até às 2h da manhã. Nos outros dias da semana, deverão respeitar o limite que vai das 8h às 0h. Só será permitido o uso de um carro de som por candidato e com a presença do político no veículo. Caso a regra seja descumprida, a infração significará abuso de poder econômico, os carros serão apreendidos, e o político multado.
A mudança partiu por diversas reclamações das últimas eleições, em 2016. Foram registrados diversos abusos, alguns candidatos usavam os carros apenas para atacar outros candidatos, sem mostrar nenhuma proposta.
Outra determinação do TSE é que somente a partir do dia 15 de maio poderá começar as arredações de recursos para campanhas. E, para poder ser feita a arrecadação, a instituição deverá estar cadastrada na Justiça Eleitoral.
Os outdoors também estão proibidos, da mesma forma que bandeiras e cavaletes que não sejam móveis e que atrapalhem pedestre ou motoristas. Na internet, as propagandas só poderão ser iniciadas no dia 16 de agosto. Neste ano, será permitido o impulsionamento de conteúdos contratados pelos partidos, coligações e candidatos. O telemarketing que faz propaganda eleitoral também está proibido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário